Presidente da JS-PDT na reunião com lideranças: “Precisamos encerrar a era Bolsonaro”

Na reunião com lideranças estaduais, presidente da Juventude Socialista valorizou o PDT e Ciro Gomes

“Precisamos libertar o Brasil e encerrar a era Bolsonaro”, disse o presidente nacional da Juventude Socialista (JS), William Rodrigues, durante reunião virtual, no sábado (13), com os presidentes estaduais do movimento do PDT. Na pauta, o alinhamento das jovens lideranças com as ações estratégicas do partido, incluindo a pré-candidatura de Ciro Gomes ao Planalto e o impeachment do presidente da República, Jair Bolsonaro.

“Foi um profundo debate para a gente potencializar nossa atuação em prol do planejamento traçado pela direção nacional do PDT, a partir da condução do presidente Carlos Lupi”, explicou.

“Como diferencial, temos Ciro Gomes e a militância pedetista. Tenho certeza que os jovens darão uma contribuição fundamental não só nas eleições de 2022, mas também na deposição do Bolsonaro”, completou.

Ao relembrar os 40 anos da JS, celebrado no último mês de fevereiro, William atrela a mobilização da militância ao contínuo processo de qualificação dos quadros em todo o país.

“Nossa história é marcada por batalhas populares. Com organização e dedicação, seguimos determinados para formar mentes esclarecidas, proteger a democracia e garantir os direitos dos brasileiros”, concluiu.