PDT-RJ elege 51 vereadores no Rio de Janeiro e estará representado em todas regiões do Estado, sendo 17 na Metropolitana, sete no Noroeste e quatro na Região Serrana

Na Região Metropolitana, o partido ocupará 17 cadeiras em dez municípios

*Por Bruno Ribeiro / PDT-RJ

Nas eleições de 2020, o PDT elegeu 51 vereadores em 26 municípios do Rio de Janeiro. A cidade de Niterói, na Região Metropolitana, foi o destaque por proporcionar a conquista de quatro cadeiras, incluindo o parlamentar mais votado: Andrigo Carvalho, reeleito com 4.783 votos.

Ao todo, o partido terá representantes em todas as áreas do estado fluminense, sendo 17 na Região Metropolitana; nove na Região dos Lagos; seis no Norte Fluminense; sete no Noroeste; quatro na Região Serrana; quatro no Centro-Sul e quatro no Médio-Paraíba.

Segundo o presidente nacional e estadual do PDT, Carlos Lupi, as urnas mostraram que a população está referendando o combate ao fascismo diante da luta democrática por mais direitos e conquistas sociais.

“Tivemos vitórias emblemáticas em Niterói e Cabo Frio, disputa efetiva no Rio, além de seguir na batalha, em Campos dos Goytacazes, no segundo turno. Assim, o trabalhismo mostra todo seu potencial para recolocar o estado no caminho certo e guiado por um projeto progressista”, afirmou.

Presença

Na Região Metropolitana, que acumula mais de 11 milhões de habitantes e 74% da população do estado a partir da capital e da Baixada Fluminense, os pedetistas estarão presentes, além de Niterói, com quatro vereadores, Maricá, com três; Japeri, com dois, em apoio à prefeita eleita, Fernanda Ontiveros; Tanguá, com dois; além do Rio de Janeiro, Belford Roxo, Nova Iguaçu, Queimados, São João de Meriti e Seropédica com um eleito cada.

Para Andrigo, o resultado de Niterói ratifica o potencial do projeto trabalhista com quadros alinhados com as bandeiras do partido.

“A população da cidade apostou no avanço do nosso projeto e me honrou como o mais votado para o legislativo. O PDT fez uma bancada com 4 vereadores na Câmara e também tivemos a vitória em primeiro turno do nosso prefeito eleito Axel Grael, um quadro ambientalista e trabalhista forjado na gestão de Leonel Brizola (1991-1994) e na gestão do prefeito Rodrigo Neves (2013-2020), presidente do PDT de Niterói e a grande liderança da cidade”, exaltou.

Liderados pela vitória de José Bonifácio para prefeito em Cabo Frio, os postulantes do 12 também estarão presentes em duas vagas na maior cidade da Região dos Lagos, com mais de 200 mil habitantes. No agregado, somam-se as três conquistas em Casimiro de Abreu, associadas ao êxito, no pleito, de Lelei da Marmoraria como vice-prefeito; três em Saquarema e uma em São Pedro da Aldeia.

Na dianteira da disputa, em segundo turno, pela prefeitura de Campos dos Goytacazes, Caio Vianna impulsionou a chapa de candidatos e o resultado foi positivo: três eleitos. O Norte Fluminense contará ainda com dois vereadores em Macaé e um em Conceição de Macabu.

A Região Serrana terá pedetistas nas Câmaras de Carmo (3), que fortalecerão a base do prefeito eleito, Serginho Soares, e de Nova Friburgo (1). Pelo Noroeste, foram viabilizadas conquistas em Natividade (3); Cambuci (2) e Laje do Muriaé (2). Já no Médio Paraíba, o PDT ocupará vagas em Piraí (2) e Porto Real (2), enquanto no Centro-Sul contará com três eleitos, em Areal, e um, em Paraíba do Sul.