PDT perde mais um relevante quadro da juventude para a Covid-19: Rafael Galvão 

Rafael Galvão iniciou sua trajetória partidária na Juventude Socialista (JS) no Rio de Janeiro 

O PDT perdeu mais um relevante quadro para a Covid-19. Após dias lutando contra os impactos do coronavírus, Rafael Oliveira Galvão (esq. na foto) faleceu nesse domingo (4), em Brasília, na fila de internação para doentes de Covid.   Reconhecido nacionalmente pela sua militância e comprometimento com as bandeiras do trabalhismo, o carioca iniciou sua trajetória partidária na Juventude Socialista (JS), na década de 90, a partir da liderança de Leonel Brizola.

.

Raphael Galvão, Wendel Pinheiro, Senador Weverton, Miro e Ronaldo Lessa

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, enalteceu as contribuições fornecidas, ao longo dos anos, em diversas regiões do país.

“Lamento profundamente a perda irreparável de um companheiro e amigo, que conheci há 20 anos atrás na Zona Oeste do Rio: Rafael Galvão era destes companheiros combativos e leais, que jamais esqueceremos. Siga em paz e que nosso Senhor Jesus Cristo o receba com carinho e amor”, relatou.

Para o vice-presidente da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP) no Rio de Janeiro e ex-presidente nacional da JS, Everton Gomes, o pedetista fez história a partir do movimento de jovens.

“Acabo de saber que mais um grande amigo se foi pelas mãos do Covid-19. Foi um dos primeiros companheiros a me recepcionar no PDT, onde militou com paixão por quase toda vida. Rafael Galvão, presente!”, afirmou.

(Por Bruno Ribeiro)
Veja participação de Rafael em debate do Movimento Cultural Darcy Ribeiro
https://www.facebook.com/watch/live/?v=316238329919192&ref=watch_permalink