PDT de Alagoas vai expulsar filiado por fazer apologia ao nazi-fascismo

PDT de Alagoas promoverá expulsão de Ricardo Santa Ritta por apoio ao nazismo

Em nota, direção do partido condenou posicionamento pessoal do ex-secretário de Turismo de Maceió

O PDT de Alagoas iniciou o processo de expulsão do ex-secretário de Turismo, Esporte e Lazer de Maceió (AL), Ricardo Santa Ritta, em função das declarações proferidas ontem (17), nas redes sociais, de apoio ao nazismo. Nesta sexta-feira (18), a direção do partido divulgou, em nota, a deliberação definida em reunião extraordinária.

Para os pedetistas, a sigla é constituída por “ideologias diferentes da declaração de cunho estritamente pessoal” de Santa Ritta, que questionou a lei federal 7.716, de 1989, onde é configurado como crime a divulgação da ideologia associada a Adolf Hitler.

“Ressaltamos que, de forma alguma, tais colocações têm ligação com os nossos valores”, disse o presidente estadual, Jurandir Boia, ao embasar os trâmites para desfiliação do quadro.

“Considerando a construção histórica do partido, fica incoerente manter sua filiação. Por isso, Ricardo Santa Ritta está afastado preventivamente”, explicou, ao também indicar que a sigla também concordou com sua exoneração da Prefeitura.

(por Bruno Ribeiro)

Confira a íntegra da nota: