PDT celebra 67 anos do martírio de Vargas em defesa do Brasil

A JS-PDT do Rio de Janeiro, está convocando os integrantes da Juventude e demais militantes do partido, juntamente com Matheus Novais, presidente da JS, para o ato que se realizará amanhã na Cinelândia, no Centro do Rio de Janeiro, a partir das 10 horas da manhã, para lembrar os 67 anos da morte do presidente Getúlio Vargas. Segundo a convocação “vai ser uma edição especial da Brizolândia na Cinelândia, palco de muitos discursos do velho Brizola”.

Segundo a organização do ato, “teremos a presença de quadros partidários, movimentos do PDT, banquinha de filiação, panfletagem e microfone aberto”. O objetivo é recordar o gesto de Getúlio Vargas em defesa da soberania e do desenvolvimento do país, e também o seu legado, que os sucessivos governos neoliberais brasileiros, desde Collor, tentam destruir.

“Recordaremos os feitos do Presidente Vargas e o legado trabalhista. Gritaremos juntos contra as privatizações criminosas do Governo Bolsonaro, todo seu negacionismo, entreguismo e atraso representado por ele! Contamos com a presença de vocês. Sempre lembrando dos protocolos de prevenção ao COVID-19: máscara, álcool 70 e distanciamento social”, destaca ainda a convocação geral para o ato amanhã na Cinelândia.

O 24 de agosto era uma data sagrada para Brizola: quando ele não ia a São Borja, terra natal de Getúlio e onde ele está sepultado, Brizola sempre reunia a militância do PDT carioca no busto de Getúlio na Cinelândia, para celebrar o gesto de Vargas em defesa do Brasil e do seu legado político.

Saudações trabalhistas e até lá!