Lupi: “Voto consciente em Ciro será o diferencial em 2022”

Legado Trabalhista é o fio da História que vai popularizar o Projeto Nacional de Desenvolvimento

*Por Bruno Ribeiro / PDT-RJ

O PDT conta com um diferencial competitivo na disputa presidencial de 2022: o Projeto Nacional de Desenvolvimento (PND). Com esse entendimento, o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, indicou em entrevista para o canal “Os 4 Elementos”, nessa quarta-feira (26), que a popularização das propostas impulsionará o voto consciente no presidenciável Ciro Gomes.

“Nós temos um lado. O trabalhismo tem um projeto para o Brasil e acredita nele. Nós vamos trabalhar diuturnamente […] até um dia, como falava o professor Darcy Ribeiro, de libertar o nosso povo com o instrumento da educação”, ressaltou, em conversa com os ex-presidentes da Juventude Socialista (JS) Luizinho Martins, Luiz Marcelo Camargo e Everton Wandall, e o secretário-geral do partido em Florianópolis (SC), Mauricio Conti.

“Voto é consequência, é o processo natural de crescimento da população”, garantiu, ao reforçar o espaço aberto para uma terceira via programática contra a tentativa de polarização entre Jair Bolsonaro e Lula.

A construção de uma saída viável e sustentável para o país representa para a sigla, segundo Lupi, algo que está acima de disputas de poder e além de um único pleito eleitoral.

“Quem imagina que está se preparando somente para a próxima eleição, não tem amor nenhum à pátria brasileira. Só está pensando em si e nos seus. Egoísmo que é a grande praga do capitalismo voraz e toma conta do mundo hoje”, disse.

Na sequência do programa, Lupi valorizou ainda a coerência e o progresso do PDT, que completava 41 anos na data, a partir de seus líderes e de marcantes reconstruções ao longo da história. Entre os marcos, a perda da sigla do antigo PTB e o falecimento do presidente de honra pedetista, Leonel Brizola.

“[Iluminados] Por Getúlio Vargas, Leonel Brizola, João Goulart, [Alberto] Pasqualini, Doutel [de Andrade], Abdias Nascimento, Edialeda [Salgado], Darcy Ribeiro. Não tem força humana capaz de nos deter. Nós estamos com essa executiva celestial nos protegendo, dando causa e força”, enalteceu, ao concluir: “Nós vamos vencer!”

Para conferir a íntegra da entrevista: