Lideranças do PDT vão a Campos reforçar campanha de Caio Vianna para prefeito no 2° turno

Por Bruno Cardoso/Osvaldo Maneschy

“Caio é a novidade política que agrega amor e competência; jovem  que se dedica à causa pública com profundo amor a Campos”

A campanha no 2° turno do candidato a prefeito do PDT Caio Vianna ganhou novo impulso na noite de ontem (20/11) com o comício no ginásio coberto do tradicional Automóvel Clube Fluminense, no centro de Campos dos Goytacazes, com a participação de mais de 2 mil pessoas, onde discursaram além de apoiadores locais, lideranças do PDT nacional e estadual. Um dos primeiros a falar foi o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, seguido do recém-eleito prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio Novellino, vice-presidente regional do PDT-RJ; mais o engenheiro ambientalista Axel Grael, recém-eleito prefeito de Niterói no 1° turno com mais de 60% dos votos; além do deputado federal Chico D’Angelo (PDT), que nasceu em Campos; e o pai do candidato Caio Vianna, o médico e ex-prefeito de Campos Arnaldo Vianna – que encerrou o seu mandato com 89% de aprovação.

Da esquerda para direita: Brizola Neto, Axel Grael, Carlos Lupi, Caio Vianna, Arnaldo Vianna, Gilmara Mendes; Chico D’Angelo e José Bonifácio

Lupi, um dos primeiros a falar pela necessidade de viajar hoje para o Ceará onde participará de evento do candidato do PDT a prefeito de Fortaleza, José Sarto, exaltou a juventude de Caio Vianna, que tem 31 anos: “Caio é a novidade política que agrega amor e competência. Um jovem que conheço há 15 anos que se dedica à causa pública com profundo amor a Campos. Ele estuda na cidade, vive na cidade, ama a cidade. Ele é o voto da mudança com coerência construindo uma corrente do bem que vencerá as eleições do próximo dia 29 de novembro e resgatará bons tempos. É por isto que estamos aqui, nós do PDT, para apoiá-lo rumo à vitória! É 12! É 12! É 12!”, conclamou.

A coligação “Reviva Campos”, formada pelo PDT-PL-PSL-DC-Patriotas, que tem como candidatos Caio Vianna a prefeito e Gilmara Gomes a vice, obteve  68.405 votos no 1° turno e disputa o 2° turno com Wladimir Garotinho, filho dos ex-prefeitos de Campos e ex-governadores  Anthony Garotinho e Rosinha Garotinho.

Antes do comício no Automóvel Clube de Campos, Caio recepcionou as lideranças do PDT na antiga casa de seu pai e da família, agora transformada em QG de sua campanha à prefeitura. Na ocasião, além de conversarem, as lideranças do PDT gravaram mensagens e posarem para fotos.

Feliz com o reforço na reta final, Caio assinalou: “Estamos aqui reunidos para discutir com responsabilidade o futuro da cidade. Com ética daremos dignidade aos cidadãos de Campos fazendo uma gestão voltada para o povo. Junto com minha vice, Gilmara Gomes, vamos à vitória”, garantiu.

Já o ex-prefeito Arnaldo Vianna lembrou que Caio, ainda muito jovem, quando conheceu a realidade dos barracos construídos em palafitas nas margens do canal que divide os municípios de Campos e Quissamã, pediu a ele que, como prefeito, fizesse algo  por aquelas pessoas. E esse foi um dos principais estímulos a sua política de construir moradias populares na sua gestão, disse; e acrescentou que também foi Caio que sugeriu que ele implantasse internet pública nos bairros populares, outra grande realização de sua gestão.

“Estamos na reta final da campanha e a presença de vocês aqui, para ajudar é muito importante para a cidade”, agradeceu Arnaldo, assinalando que  Campos vive na disputa desse 2° turno “o momento de transformação tão esperado pela população para cidade”. Na sequência da conversa e das gravações, o prefeito eleito Axel Grael agradeceu ao convite para estar em Campos ajudando na campanha de Caio Vianna.

José Bonifácio frisou que a eleição de Caio vai permitir que Campos resgate sua vocação para o desenvolvimento: “Campos perdeu a capacidade de atrair empresas, mas com o Caio, a credibilidade vai voltar e isso vai gerar empregos”, indicou. Chico D’Angelo, campista, frisou que a Campos nos últimos anos vem sofrendo “com administrações incompetentes” e  Caio Vianna “está preparado para colocar Campos no rumo certo”.

Também estiveram em Campos, entre outras lideranças do PDT, o ex-deputado federal e ex-ministro do Trabalho Brizola Neto; e o secretário-geral do PDT-RJ, Ismael Lisboa.

 

(foto da 1a. página Felipe Pereira,  demais de Bruno Cardoso)