Fundação Pasqualini inicia hoje (8/2) às 15h seminário para qualificar prefeitos do PDT  

Palestras são para aperfeiçoar gestão dos prefeitos do PDT em todo país

A Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini promove a partir desta segunda-feira (8/2) seminário destinado a qualificação de prefeitos eleitos pelo PDT que contará com a participação, entre outros, do ex-ministro Ciro Gomes, do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, do presidente da Fundação Brizola – Pasqualini e secretário-geral do PDT, Manoel Dias; e do ex-prefeito de Niterói, Rodrigo Neves.

O objetivo do encontro é “desenvolver gestores para transformar a realidade da população brasileira e dar sustentação ao Plano Nacional de Desenvolvimento (PND), encabeçado por Ciro Gomes”, segundo os organizadores do seminário.

Lupi e Manoel Dias participam da abertura  pelas redes sociais do partido, especialmente o Facebook (https://www.facebook.com/fundacaoleonelbrizola) e o Youtube (https://www.youtube.com/channel/UCYAwy2dgImXNI88uBxLu7kw). As palestras técnicas se estenderão por meses.

A mesa inicial tratará do tema “Pandemia e os principais desafios da crise sanitária nas cidades em 2021”, com presenças confirmadas do ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), do pesquisador da Fiocruz e diretor do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Rômulo Paes, e o doutor pelo Fiocruz e professor da faculdade de Medicina da UFRJ, Roberto Medronho, tendo por mediador ex-prefeito de Niterói (RJ), Rodrigo Neves (PDT).

Segundo Rodrigo Neves, a idéia básica do seminário é fornecer subsídios, informações indicadores e analises que projetem cenários a partir de experiências concretas de combate a pandemia de Covid-19 e suas consequências no curto, médio e longo prazos.

“As administrações municipais do PDT têm o desafio de enfrentar esse contexto com adequados diagnósticos sobre a situação mais geral e local, estruturando, desde o início da gestão, planejamento e ações para não sucumbirem às urgências que batem à porta de quem governa”, argumentou Rodrigo Neves.

(Por Bruno Ribeiro/OM)