Lupi denuncia: “Bolsonaro é o responsável direto pelo colapso em Manaus”

Presidente nacional do PDT convoca sociedade para construir rede de solidariedade para salvar vidas e combater o governo

*Por Bruno Ribeiro – PDT/RJ

“O momento, hoje, é para salvar vidas, apesar do profeta da ignorância”, declarou, nesta sexta-feira (15), o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, ao analisar o colapso no sistema de saúde no Amazonas, com ênfase em Manaus, capital do estado. Como responsável direto, o pedetista aponta o presidente da República, Jair Bolsonaro, que promove, desde o início da pandemia do Covid-19, omissão e negacionismo deliberados ao refutar as diretrizes científicas.

“Estamos batendo todos os recordes de contaminação e de mortos, com um triste e melancólico no estado do Amazonas, que precisa da solidariedade de todo o povo brasileiro. Sequer oxigênio estamos tendo para salvar as vidas dos coirmãos brasileiros”, afirma.

“Até onde o Brasil e os brasileiros não vão enxergar que o senhor Bolsonaro é corresponsável pela morte de cada brasileiro por sua omissão e desprezo à vida, por não acompanhar as orientações da ciência e da medicina?”, questiona o ex-ministro do Trabalho e Emprego.

Ao mencionar que o PDT já protocolou diversas ações judiciais contra Bolsonaro, Lupi destaca a denúncia por crime contra humanidade no Tribunal Penal Internacional (TPI). No documento enviado, em junho de 2020, para apreciação da Corte sediada em Haia, na Holanda, o partido apresenta uma série de provas que relacionam o aumento do número de mortes por coronavírus com atitudes de Bolsonaro.

“O Brasil vive, hoje, um momento profundamente triste e melancólico. Triste pela perda de mais de 200 mil vidas por uma pandemia que o governo disse ser uma ‘gripinha’. Bolsonaro desprezou a ciência, não incentivou o uso de máscara, não investiu nos processos de vacinação, não acompanhou a recomendação da Organização Mundial da Saúde”, relatou.

“Nós precisamos criar uma rede de solidariedade para desmistificar esse profeta da ignorância e dar apoio humano a todos aqueles que estão sendo vítimas desse coronavírus”, completou.

Diante do avanço da proliferação da contaminação no país, Lupi ratifica a importância das ações preventivas de proteção, principalmente no dia a dia dos brasileiros mais vulneráveis.

“Vamos andar de máscara – que está aqui do lado, pois estou sozinho falando para a câmera -; evitar aglomeração; ajudar, quem puder, os irmãos do Amazonas e mobilizar a sociedade para que a gente salve vidas”, concluiu.

Veja o vídeo:

https://www.facebook.com/watch/?v=767393817194394