CIRO GOMES & CANUDOS

O pré-candidato do PDT à presidência, Ciro Gomes, encerrou esta semana a série de quatro episódios onde mostrou, a partir das ruínas de Canudos, no sertão da Bahia, a guerra civil que os ricos travam contra os pobres do Brasil desde o final do século retrasado.

Na série de quatro episódios, Ciro explica o que foi o genocídio de Canudos, a campanha da mídia da época contra Antônio Conselheiro e seus seguidores, e a guerra movida contra os sertanejos que resultaram na morte de mais de 25 mil brasileiros. E frisa que Canudos não se rendeu – todos os  seguidores de Antonio Conselheiro, gente pobre e desassistida dos sertões brasileiros, foram mortos. Por bala ou degolados a faca.

Ciro também faz um paralelo importante sobre o que aconteceu no final dos anos 1.800 e o que acontece nas favelas brasileiras de hoje em dia, no Rio e em todas as periferias dos grandes centros urbanos do país, com a violência permanente do Estado contra os pobres – massacrados pela vida, pela polícia, pelo narcotráfico, pela falta de oportunidades, pelo desemprego e pela pobreza.

Uma série imperdível e importante, dirigida pelo publicitário João Santana e o próprio Ciro.

Veja os vídeos na íntegra:

 

episodio 1

https://youtu.be/47kPO0L19is

 

episodio 2

https://youtu.be/6NEv63GK-k4

 

episodio 3

https://youtu.be/w_F3HLIMvA8

 

Episodio final

https://youtu.be/us_o2alIdm4