Barra Lateral

Feliz Ano de Mudar o Brasil

Mudança. Não é uma palavra. É um sentimento. Não é um sentimento. É uma certeza. A certeza que o Brasil quer – e vai – mudar para melhor. Vamos, juntos, mudar o Brasil. Feliz Ano Novo. Feliz Brasil Novo. (Ciro Gomes)

Notícias

Pandemia obriga adiamento da celebração dos 100 anos de Brizola

Marcando os 100 anos do nascimento de Brizola, publicamos o discurso pronunciado por Brizola no dia 4 de fevereiro de 2002, na sede do PDT no Rio de Janeiro, onde fez uma síntese dos seus 60 anos de militância política e os caminhos, na sua opinião, para a libertação do Brasil. Uma fala fundamental para compreender o pensamento de Brizola e sua luta, da vida inteira, para o Brasil se tornar uma Nação soberana e independente. O centenário de nascimento de Brizola, o fundador do PDT, serão celebrados neste ano de 2022 a partir da Convenção Nacional do PDT que se realizará no próximo dia 21 de janeiro, em Brasília, e também no dia 22 de janeiro – dia em que nasceu, com a inauguração de uma estátua de corpo inteiro na sede nacional do partido, na Esplanada dos Ministérios, próxima ao Itamaraty. Ainda pela data, o Centro de Memória Trabalhista da Fundação Brizola – Pasqualini lançará duas cartilhas: uma sobre os “Tijolaços” de Brizola; e outra sobre a história da Petrobrás a partir de sua concepção e luta de Getúlio Vargas para criá-la, enfrentando as petrolíferas estrangeiras. As mesmas que, com o beneplácito de Guedes e Bolsonaro, hoje, ajudam a esquartejar Petrobrás e vende-la aos pedaços – em uma onda de entreguismo jamais vista no Brasil.

Notícias

PDT vai ao STF para que escolas possam exigir carta de vacinação

O PDT entrou com uma ação no STF, na tarde desta quarta (30), para garantir que instituições federais de ensino possam exigir o passaporte vacinal para as atividades presenciais no próximo ano letivo. A iniciativa foi provocada por nova manobra negacionista do Governo Federal em relação à pandemia de Covid-19, que dessa vez põe em risco comunidades acadêmicas de todo o país, desconsiderando o avanço do vírus por meio de novas variantes como a Ômicron. A Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) questiona o despacho assinado pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro que proíbe instituições de ensino administrada pela União de exigirem o comprovante de vacina de colaboradores e estudantes. De acordo com o jurídico do PDT, a medida atenta contra a autonomia administrativa de universidades e institutos federais, além de violar os preceitos fundamentais do direito à vida e à saúde. “O ato ora questionado atenta contra a vida e a saúde dos estudantes, professores e colaboradores das instituições de ensino. Embora muitos se insurjam contra a exigência da vacinação contra a Covid-19, é inegável a necessidade de impor medidas mais rigorosas para combater e pôr fim à pandemia”, afirma o documento.

Notícias

Réveillon em Cabo Frio vai homenagear as vítimas da Covid

A prefeitura de Cabo Frio, na Região dos Lagos, definiu as ações que serão realizadas hoje (31/12) na virada do ano na Praia do Forte, a principal da região, e disse que a festa da virada será marcada por uma homenagem às vítimas de covid-19.  De acordo com o prefeito José Bonifácio (PDT), a ideia é que o tributo conte com a participação do público presente na Praia do Forte. “Dois minutos antes da meia-noite, nós vamos apagar as luzes da orla da Praia do Forte e com a lanterna do telefone celular, vamos fazer a iluminação homenageando, no mundo inteiro, todos aqueles que morreram vítimas da covid-19”, explicou o prefeito. Bonifácio disse ainda que a queima de fogos será patrocinada pela iniciativa privada. A previsão é de que o show pirotécnico dure cerca de 10 minutos.  “Anteriormente eu tinha comunicado a toda população de Cabo Frio e aos turistas, que não teríamos queima de fogos. Mas eu recebi apoio dos empresários que farão a nova versão do Cabofolia, depois da Semana Santa. Eu quero convidar a você então, para que esteja na Praia do Forte, de máscara, se protegendo, para assistir o espetáculo”, informou o prefeito.

Notícias

Jornalista José Maria Rabelo, fundador do PDT, morre em Minas

O jornalista e escritor José Maria Rabelo, companheiro da primeira hora de Leonel Brizola e um dos fundadores do PDT,  morreu esta madrugada (29/12) aos 93 anos em Belo Horizonte, no Hospital Felício Rocho onde estava internado há um mês, de falência múltipla de órgãos. O seu corpo será velado na Casa do Jornalista, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, das 14h às 20h. José Maria Rabelo presidiu o Partido Democrático Trabalhista (PDT) em Minas Gerais durante 18 anos e foi vice-presidente do Banco do Estado do Rio de Janeiro (Banerj), nos dois governos de Leonel Brizola (1983 a 1987 e 1991 a 1994).  Viúvo, Rabelo deixa seis filhos e um deles, o fotógrafo Fernando Rabelo lamentou a partida do pai nas redes sociais: “Obrigado, pai, pelos seus ensinamentos, que guiarão a minha vida. Te amaremos para sempre”, escreveu. A Casa do Jornalista de Minas Gerais também homenageou José Maria Rabelo: “Vá em paz, Zé Maria. Obrigada por toda coragem, lucidez, esperança e amor ao jornalismo. Um abraço especial dos jornalistas de Minas nos familiares e amigos. Força. Zé Maria Rabelo, presente!” José Maria Rabelo fundou o semanário Binômio em 1950, jornal que circulou semanalmente durante 12 anos, de 1952 a 1964, já na época da ditadura militar. Ele foi considerado um dos precursores da imprensa alternativa no Brasil, e acabou exilado por suas atividades jornalísticas e políticas.

Notícias

Chomsky, Stone e personalidades se solidarizam com Ciro Gomes e Cid

O pré-candidato do PDT à presidência, Ciro Gomes, publicou em seu twitter hoje (27/12) a informação de que “importantes intelectuais, artistas e políticos de renome internacional divulgaram uma carta-alerta ao mundo sobre os abusos do estado policial bolsonarista contra mim, e advertindo para os riscos para a democracia brasileira”. Entre os principais signatórios da carta, articulada pelo deputado David Miranda (PSOL-RJ), estão o linguísta e filósofo Noam Chomsky e o ex-líder do Partido Trabalhista inglês, Ken Livingstone, ex-prefeito de Londres. O fato também foi noticiado pelo  jornal “Folha de São Paulo” na sua edição de hoje que destacou que o objetivo do documento é chamar a atenção da comunidade internacional para o uso da Polícia Federal brasileira por Bolsonaro, contra adversários políticos. Na ditadura, a Polícia Federal desempenhou papel de polícia política responsável pela censura aos meios de comunicação – o que podiam ou não publicar ou divulgar. O deputado David Miranda (PSOL-RJ) organizou texto após a investida da polícia contra Ciro Gomes, e seu irmão, o Senador Cid Gomes.

Notícias

Ciro, em mensagem de Natal, fala do Jesus revolucionário

Em mensagem de Natal publicada no seu canal no YouTube, Ciro Gomes (PDT) apostou na imagem de um Jesus revolucionário e combativo, lembrando das escrituras cristãs. O pré-candidato falou em amor, mas também na rebeldia contra o “despotismo e injustiça”. Ciro fala sobre maus governantes, da miséria, dos milhões que passam fome, dos que passaram e passarão a noite de Natal com fome ou mesmo vitimas de balas perdidas. E deseja a todos os brasileiros, em nome dele e de Giselle, sua mulher – paz e esperança. “A noite de Natal traz paz, alegria e reflexão.(…) É a noite da renovação da esperança, da união e amor familiar. (…) Nesta noite cultuamos um menino Deus que foi ao mesmo tempo doce e rebelde, fruto do amor divino”, diz Ciro Gomes num trecho. Ele continua: “Um menino doce que foi rebelde contra a mentira, a hipocrisia e principalmente contra a injustiça. Que nos ensinou o amor e a compaixão pelos pobres, mas também a nos rebelar contra o despotismo e a injustiça”. Ciro destaca que a mensagem é dele e também de sua esposa, Giselle.