Barra Lateral

Lígia Doutel de Andrade: representação da significância da mulher no país

Por conta do Dia Internacional da Mulher, militantes do PDT lembraram na pessoa da deputada Lygia Doutel de Andrade a casssação de seu mandato e a homenagem que recebeu, em 2012, exatamente nesta data,  que marcou a sua reintegração ao Congresso. O ato lembrou “a participação ativa, militante e decisiva das mulheres na luta contra o regime de exceção e na construção de uma sociedade livre e verdadeiramente democrática.”

Notícias

Lupi, no Dia da Mulher, lembra a trajetória de vida de sua mãe

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, enalteceu a representatividade feminina ao celebrar o Dia Internacional da Mulher, nesta segunda-feira (8). “Obrigado por vocês existirem. Vocês são a razão da nossa existência”, destacou, em mensagem publicada nas suas redes sociais. Em uma retrospectiva ao longo do vídeo, homenageou sua mãe, Carmelita Lopes Cavalcante Lupi, na menção do simbolismo e do reconhecimento que as brasileiras agregam na sociedade. “Eu via a luta que minha mãe teve. Luta, trabalho e uma sobrevida muito difícil”, explicou, ao ratificar a contribuição para sua formação e o orgulho na promoção da “consciência de civilidade, solidariedade e, principalmente, do amor ao semelhante”.

Notícias

Lupi, após decisão de Fachin sobre Lula: “Ciro é o futuro”

Ao comentar a decisão monocrática do ministro Edson Fachin, do STF, de anular as condenações contra Lula nos processos conduzidos pelo ex-juiz Sergio Moro, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, reiterou a candidatura do ex-ministro Ciro Gomes argumentando que ele “é o futuro, diferente do presente e do passado recente”. Lupi acrescentou que “penso ser legítima a candidatura do Lula porque ele representará o passado do que fez. Nós, com Ciro Gomes, queremos representar o futuro de um projeto nacional-desenvolvimentista que dispute o mercado mundial com tecnologia da inovação e respeitando a autonomia de cada nação, na linha histórica do Trabalhismo”, destacou.

Notícias

Lupi anuncia que o PDT vai entrar na Justiça para pedir a interdição de Jair Bolsonaro

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, anunciou, nesta sexta-feira (5) que o partido solicitará na Justiça a interdição de Jair Bolsonaro. Na ação o partido argumentará que Bolsonaro não tem capacidade para de continuar no cargo de presidente da República e apresentará como prova detalhamento das omissões e negacionismos de Bolsonaro no combate à pandemia que já matou mais de 260 mil pessoas no Brasil. “Nós já fizemos de tudo: entramos na Corte de Haia contra ele por esse crime contra a humanidade; peticionamos ao Supremo Tribunal Federal e, agora, estou pedindo ao nosso jurídico para fazer a interdição”, explicou Lupi, conluindo: “Acho que ele é louco e precisa ser interditado antes que mais brasileiros morram”.

Barra Lateral

PDT prioriza formação de quadros a partir de ações nacionais da Fundação

A priorização da formação contínua de quadros foi o tema central da reunião, nesta quinta-feira (4), da direção da Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP) com seus vice-presidentes estaduais. O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, liderou o encontro em conjunto com o presidente do órgão de cooperação do partido, Manoel Dias.  Como ferramentas destacadas, o Centro de Memória Trabalhista (CMT) e a Universidade Aberta Leonel Brizola (ULB), que executam projetos gratuitos de qualificação e preservação da história em parceria com as representações da sigla nos estados.

Notícias

Niterói: Brizola Neto assume Observatório do Trabalho

A partir do decreto do prefeito Axel Grael (PDT), Niterói (RJ) criou, nessa terça-feira (2), o Observatório do Trabalho. Com a participação de diversas secretarias, a iniciativa será gerida pelo Coordenador de Trabalho e Renda, Brizola Neto, e terá como objetivo analisar, produzir e monitorar dados sobre emprego e renda no município da Região Metropolitana fluminense. Com destaque para os indicadores da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD Contínua, do IBGE, e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), o grupo apresentará subsídios para o aprimoramento das políticas públicas que buscam a geração de empregos e qualificação da mão de obra.

Manchete

Lupi: “Bolsonaro responderá pelos crimes de responsabilidade que praticou”

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmou em vídeo no facebook que Jair Bolsonaro vai ter que responder pelos crimes que está cometendo no combate à pandemia “e nós vamos à última consequências” Lupi condenou a gestão de Bolsonaro na pandemia e acha que só o impeachment dele impedirá que continue cometendo erros, sistemáticamente. “Nós já estamos responsabilizando-o na Corte de Haia. Isso não vai ficar assim. A responsabilidade pelas mortes desses milhares de brasileiros é do senhor Jair Bolsonaro, sim”, frisou, citando a denúncia feita pelo PDT no tribunal internacional da ONU. Lupi também citou o o progressivo aumento das mortes de infectados, a precarização da vacinação e as dificuldades da rede de saúde no país.

Notícias

João Goulart fez história ao inaugurar em 1961 a parceria Brasil-China

Marco na política internacional, a visita do então vice-presidente da República, João Goulart (Jango), à China, em 1961, teve seu ápice no encontro no Congresso Nacional do Povo, em Pequim. O evento, no maior Legislativo do mundo, contou com cerca de três mil representantes do Partido Comunista Chinês e enalteceu a primeira visita oficial de um chefe de Estado Ocidental ao país asiático depois do praticamente fechamento total da China para o mundo, após a vitória da Revolução comunista. Recebido pelo presidente chinês, Liu Shaoqi, e o líder máximo da revolução Chinesa, Mao Tsé-Tung,  Jango, que completaria 102 anos nessa segunda-feira (1), mostrou, a partir de pautas econômicas e sociais, a intenção de estreitar laços diplomáticos com a nação que despontaria como potência no século XX e neste inicio do século XXI, deve ultrapassar os Estados Unidos.